Os Benefícios do Kombuchá

Como é uma bebida prebiótica, se destaca por melhorar o funcionamento intestinal, manter o equilíbrio da microbiota e fortalecer a imunidade. Além disso, previne infecções e envelhecimento precoce por ser rico em antioxidantes, reduz o estresse, normaliza a pressão arterial.


Tudo começa com a primeira fermentação. São necessários três ingredientes: o SCOBY, o chá de Camellia Sinensis (tenha atenção a espécie do chá, para que não haja erros) e açúcar.


O SCOBY é uma cultura simbiótica de bactérias e leveduras. Você pode conseguir o SCOBY de um amigo, ou criar do zero. Os microrganismos utilizam o açúcar e o chá, que servem como substrato, ou seja, para obter energia. Nesse processo elas transformam o açúcar em álcool, e depois convertem o álcool em ácido acético. Por isso esta bebida possui gosto levemente azedo característico e também gera gás.



Vamos para a primeira fermentação:

-Coloque 1 litro de água para ferver;

-Depois, faça a infusão do chá. Nesse eu coloquei 4 saquinhos, mas caso faça o chá com as ervas soltas na água, não esqueça de peneirar;

-Usar aproximadamente 100 gramas de açúcar e adicione ao chá;

-Logo depois, deixe o chá esfriar e adicione o Kombuchá. Tenha atenção, pois temperaturas muito quentes podem acabar matando os microorganismos;

-Por último, coloque o seu kombucha sempre em recipientes de vidro ou até mesmo ácido inox, cubra com panos finos ou papel toalha. Pois há riscos de explosões pela grande formação de gases. Deixe fermentar por pelo menos sete dias.


Segunda fermentação:

-Escolha a fruta de preferência para saborizar seu Kombucha;

-Coloque 70% de suco e 30% do chá do Kombuchá em um recipiente de plástico, como por exemplo garrafinha de plástico e feche bem;

-Deixe fermentar por pelo menos 15 dias para que forme gases e fique mais saboroso.


Importante: tomar cuidado com a segunda fermentação caso ultrapasse três meses corre risco da garrafinha explodir.




1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo